Roteiro para o fim de semana em Recife e Olinda

Roteiro para o fim de semana em Recife e Olinda

Confira nosso roteiro para você passar o fim de semana em Recife e Olinda e aproveite o melhor da culinária nordestina, praias, cultura e natureza!

SEXTA-FEIRA | NOITE
Além das lindas praias em Recife e Olinda, as cidades ainda preservam a tradição e história do período colonial tanto na arquitetura quanto na gastronomia e cultura. Confira as nossas dicas imperdíveis em Pernambuco!
Com duas filiais na cidade, o Parraxaxá (http://www.parraxaxa.com.br/) é um restaurante de culinária nordestina localizado na praia de Boa Viagem. No buffet há 120 opções de pratos típicos regionais, como a pamonha, mungunzá, tapioca ensopada, canjica, arroz doce e fatias douradas e o tradicional Bolo de Rolo. Além de ser uma ótima opção para quem estiver viajando em família, é uma excelente oportunidade para fazer uma imersão nos sabores do Nordeste!
SÁBADO
Se estiver em busca de um restaurante para um jantar mais intimista, dê um pulinho em Olinda e conheça o recém-renovado cardápio do Oficina do Sabor (http://www.oficinadosabor.com/), localizado aos pés da Igreja Nossa Senhora do Amparo. Os pratos clássicos e releituras, como Jerimum MaraManga (abóbora recheada com camarões e peixe ao molho de maracujá) e o Mar de Corais do Recife (camarões, polvo, lula e peixe refogados na manteiga de ervas acompanhados de arroz cítrico) transbordam afetividade e valorizam ingredientes regionais. Peça uma mesa na varanda e encante-se com a vista das casas de Olinda e boa parte do Recife!
Não se preocupe com os quase 60 km que separam Recife de Porto de Galinhas, diversas empresas (http://www.recifetours.com.br/passeio-porto-de-galinhas.html) oferecem traslados diários até a charmosa vila de pescadores. Também é possível agendar passeios de Jangada, Bugue e mergulho nas piscinas naturais de águas cristalinas nas praias próximas do Centro. O restaurante Barcaxeira (http://www.barcaxeira.com.br/) é uma ótima pedida antes do retorno para Recife: entre os pratos feitos à base de ingredientes regionais, a moqueca de peixe com camarão e a macaxeira gratinada com carne de sol são os destaques!
Se estiver interessado em artes, reserve uma tarde para visitar os espaços da Família Brennand. A Oficina Brennand (http://www.brennand.com.br/), expõe uma enorme e fascinante coleção de pontuares, azulejos decorativos e esculturas do ceramista e artista plástico pernambucano Francisco Brennand. Já o Instituto Ricardo Brennand (www.institutoricardobrennand.org.br/i), localizado em uma réplica de castelo feita pelo colecionador, há uma incrível coleção de espadas, armaduras, artefatos históricos e arte europeia e brasileira em uma linda área arborizada.
DOMINGO
No final do dia, que tal jantar em um restaurante cujo acesso é feito por um bondinho? A unidade do Beijupirá em Olinda (www.beijupiraolinda.com.br) é praticamente uma casa na árvore, e a vista do alto ressalta os telhadinhos e coqueirais tão marcantes na região. No cardápio, peixes, camarão, lagosta, vôngoles e polvo, tendo o Beijucanela (filé de pescada amarela grelhado com canela e temperos indianos, banana flambada e coco ralado, servido com arroz de curry e molho de tamarindo) e o Beijuqueca (filé de peixe ensopado no leite de coco com azeite de dendê, arroz e pirão) são alguns dos pratos mais pedidos!
O Marco Zero de Recife é parada obrigatória para que visita a cidade pela primeira vez. Em torno ao Marco Zero você pode fazer alguns passeios que farão você ficar mais próximo da cultura de Pernambuco. Um deles é o Cais do Sertão Luiz Gonzaga (https://www.facebook.com/CaisdoSertao/), um centro cultural em homenagem ao Rei do Baião. O museu mostra aos visitantes a riqueza cultural do sertão por meio da obra do cantor que marcou a história e a arte do Estado. Outro espaço que também vale a visita é o Centro de Artesanato de Pernambuco (www.artesanatodepernambuco.pe.gov.br), um lugar para você comprar lembrancinhas de Recife. Bem próximo dele, conheça o rico acervo da Caixa Cultural (http://www.caixacultural.gov.br/sitepages/unidade-home.aspx?uid=5), do Santander Cultural (https://www.santander.com.br/br/institucional/cultura/santander-cultural) e do Centro Cultural dos Correios (http://www.correios.com.br/sobre-correios/educacao-e-cultura/centros-e-espacos-culturais-dos-correios/centro-cultural-recife), localizados em prédios históricos de Recife.
Bem próximo ao Marco Zero você pode caminhar um pouco e conhecer a Embaixada de Pernambuco dos Bonecos Gigantes de Olinda (http://www.bonecosgigantesdeolinda.com.br/). Sabe esses bonecos que estamos acostumados a ver pela televisão no Carnaval de Recife? Eles são conhecidos como mamulengos e ficam expostos durante o ano todo. São mais de 60 bonecos, sendo que alguns são de personalidades como Michael Jackson, Papa Francisco, entre outros. Na visita monitorada, um guia explica toda a origem desta cultura. Você ainda pode fazer encomendas de bonecos e até miniaturas personalizadas.
Recomendamos

7 lugares para conhecer em Recife e Olinda
Fim de semana em Florianópolis
Lugares para descontrair depois de uma reunião de negócios em SP
Melhores passeios para fazer em família no Rio de Janeiro
Roteiro de fim de semana em Buenos Aires



Compartilhar por e-mail Compartilhar on Twitter Compartilhar on Facebook
iv class="table">

aracajú

Veja os hotéis

fortaleza

Veja os hotéis

maceió

Veja os hotéis

salvador

Veja os hotéis